Governo municipal opta por manter intervalo de 90 dias para a segunda dose da Astrazeneca

Governo municipal opta por manter intervalo de 90 dias para a segunda dose da Astrazeneca

Escrito em 23/07/2021
Redação TV Zoom

Dez dias após o Governo do Estado do Rio de Janeiro orientar a diminuição do intervalo da segunda dose da Astrazeneca de 12 para 8 semanas, a prefeitura de Nova Friburgo se posicionou. Segundo eles, após o Estado dar autonomia aos municípios sobre adiantar ou não o intervalo, a Secretaria Municipal de Saúde optou por cumprir o tempo recomendado pelos laboratórios.

A coordenação de imunização do município entendeu que é mais seguro manter os 90 dias entre a primeira e a segunda aplicação da Astrazeneca, pois foi levado em conta que instituições, como a Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) que está vinculada ao Ministério da Saúde, defendeu a manutenção do intervalo de três meses.

Afinal, a prefeitura pretende vacinar toda a população até o início de agosto, então, a previsão é concluir o esquema vacinal de todos até dezembro.

Por Isabella Chaboudt.